Retiro da Paróquia Pai dos Pobres supera expectativas

A Paróquia São Vicente Pai dos Pobres reuniu neste primeiro domingo de setembro mais de duzentas pessoas de sete comunidades para o retiro paroquial promovido pelo Encontro de Casais com Cristo e assessorado pela Comissão de Animação Bíblica da Pastoral do Vicariato de Gravataí.

O retiro iniciou com a missa presida por Dom Jaime Spengler e contou com assessoria do Pe. Bonifácio Schmidt que esteve até o final do retiro às 17h.

Na parte da manhã todos participantes fizeram a experiência de tomarem consciência de que o batismo é prova concreta de convocação, chamado e escolha de Deus para constituirmos Seu povo. O texto meditado foi de Marcos 3,13-14 que motivou os retirantes a renovem suas promessas batismais através da água e da vela acesa no círio pascal. Foi um dos momentos fortes de re-encantamento por Jesus Cristo e desejo de intimidade com Ele através da escuta de sua Palavra. Ainda antes do almoço, motivados pelo texto de Jo1,1-18 fizemos uma celebração orante com a Bíblia colocada na cabeça, coração e pés.

Na parte da tarde meditamos parte da Oração Eucarística VI-C Jesus, caminho para o Pai: “Fazei que todos os membros da Igreja, à luz da fé, saibam reconhecer os sinais dos tempos e empenhem-se, de verdade, no serviço do Evangelho. Tornai-nos abertos e disponíveis para todos, para que possamos partilhar as dores e as angústias, as alegrias e as esperanças, e andar juntos no caminho do vosso reino”.

{filmgallery=images/fotos/120903_retiro,800,600,left}

Em pequenos grupos fizemos esforço de identificar Deus misturado na história da humanidade, do Brasil, do estado, de Gravataí, de nossa paróquia e de cada família e pessoa. Pe.Bonifácio nos alertou de que “é preciso olhar para a atuação de Deus na história, à luz da fé. Ele está atuando para fazer acontecer salvação. É assim que Deus se revela, pois o prazer de Deus é salvar”.

Na conclusão, os participantes motivados pelo assessor fizeram leitura orante do texto do cego Bartimeu, conforme Marcos 10,46-52. A atitude do cego, mesmo equivocada de chamar Jesus, filho de Davi e repreendida pela multidão que mandava que ficasse quieto, provoca nele força e coragem ainda maior para que continue gritando ainda mais forte, desejando sair daquela situação de dependência de alguém que está à beira do caminho. Quando o cego percebeu que Jesus o chamava, largou de seu manto, deu um pulo e foi até Jesus. Assim, sentimos provocados pela Palavra de Deus a deixar aquilo que nos faz escravos e dependentes e com mais liberdade tomar decisão pessoal de sermos discípulos de Jesus.

Na avaliação os participantes do retiro apresentaram propostas bem concretas de continuidade de animação bíblica da pastoral. Foram solicitados mais grupos de leitura orante, mais retiros paroquiais, cursos de formação bíblica e uso da Bíblia nas celebrações litúrgicas. Foi também sugerido que nas reuniões das pastorais ou movimentos se comece dando espaço significativo para leitura orante.

Padre Maurício da Silva Jardim
Pároco da Paróquia Pão dos Pobres

MÚSICAS LITÚRGICAS

Veja mais...

ANIMAÇÃO BÍBLICA

Veja mais...

BENFEITORES

United Kingdom gambling bonuses - gbetting.co.uk

Vicariato de Gravataí

Rua Adolfo Inácio de Barcelos, 1490
Caixa Postal 05 - CEP: 94010-200
Bairro Centro - Gravataí - RS
 (51) 3042 1645